"...Então verão o Filho do homem voltar sobre as nuvens com grande poder e glória.." (Marcos 13)
 
       
 
Documento sem título
 




 
 
28/10/2014
Big Bang e Teoria da Evolução não contradizem cristianismo, diz Papa
 

Big Bang e Teoria da Evolução não contradizem cristianismo, diz Papa

28/10/2014

http://s2.glbimg.com/PlG6QbZpOFTTMiUi3mmMlcGNsLw=/620x465/s.glbimg.com/jo/g1/f/original/2014/10/28/2014-10-27t134005z_701145471_gm1eaar1o2401_rtrmadp_3_pope-vatican.jpg

Papa Francisco fez declarações sobre a ciência durante inauguração de busto em homenagem ao Papa Emérito Bento XVI (Foto: Osservatore Romano/Reuters)

Francisco ainda criticou interpretação errada do Gênesis: 'Deus não é mago'.
Declarações foram feitas à Pontifícia Academia de Ciências, no Vaticano.

O Papa Francisco afirmou nesta segunda-feira (27), durante discurso na Pontifícia Academia de Ciências, que a Teoria da Evolução e o Big Bang são reais e criticou a interpretação das pessoas que leem o Gênesis, livro da Bíblia, achando que Deus "tenha agido como um mago, com uma varinha mágica capaz de criar todas as coisas".

Segundo ele, a criação do mundo "não é obra do caos, mas deriva de um princípio supremo que cria por amor". "O Big Bang não contradiz a intervenção criadora, mas a exige", disse o pontífice na inauguração de um busto de bronze em homenagem ao Papa Emérito Bento XVI.

O Big Bang é, segundo aceita a maior parte da comunidade científica, a explosão ocorrida há cerca de 13,8 bilhões de anos que deu origem à expansão do Universo. Já a Teoria da Evolução, iniciada pelo britânico Charles Darwin (1809-1882), que prega que os seres vivos não são imutáveis e se transformam de acordo com sua melhor adaptação ao meio ambiente, pela seleção natural.

O Papa acrescentou dizendo que a "evolução da natureza não é incompatível com a noção de criação, pois exige a criação de seres que evoluem".

Ele criticou que quando as pessoas leem o livro do Gênesis, sobre como foi a origem do mundo, pensam que Deus tenha agido como um mago. "Mas não é assim", explica.

Segundo Francisco, o homem foi criado com uma característica especial – a liberdade – e recebe a incumbência de proteger a criação, mas quando a liberdade se torna autonomia, destrói a criação e homem assume o lugar do criador.

"Ao cientista, portanto, sobretudo ao cientista cristão, corresponde a atitude de interrogar-se sobre o futuro da humanidade e da Terra; de construir um mundo humano para todas as pessoas e não para um grupo ou uma classe de privilegiados", concluiu o pontífice.

 

Fonte:http://g1.globo.com/ciencia-e-saude/noticia/2014/10/papa-diz-que-big-bang-e-teoria-da-evolucao-nao-contradizem-lei-crista.html

<<<<<<<<>>>>>>>>>>

COMENTÁRIO DE ARNALDO HAAS

Nisso se observa o quanto este homem gosta de polemizar, e quanto mais ele polemiza mais se afunda nas heresias. Quem lê com atenção a narrativa Bíblica da Criação do Mundo, e faz isso com o coração, percebe uma sinfonia e uma sincronia perfeita, pois é como se Deus entoasse uma canção de amor. Tudo vai se desenvolvendo, como que no silêncio, na calma e na paz, ao mesmo tempo em que parece entoar um canto de Amor, que ecoa pela amplidão do infinito como a mais perfeita de todas as sinfonias.

Esta narrativa, neste clima de paz – Deus fez isso... Deus fez aquilo... Deus fez tudo e achou que era muito bom – Deus fez o homem à Sua Imagem e Semelhança – tudo isso, neste clima de perfeição, simplesmente derruba qualquer menção ao chamado big-bang, esta falsa explosão que resulta apenas da explosão do cérebro dos cientistas que desejam achar uma forma de expulsar Deus desta maravilhosa obra. Quem aceita esta teoria nefanda, tem também os miolos moles. Este Bergóglio afirma, entretanto que o big bang é necessário, quando isso nega o Livro do Gênesis, que afirma que Deus tirou tudo isso do NADA. Se é do nada, então não foi de uma explosão. Até porque para ter a explosão, precisaria ANTES ter uma matéria, uma força que a concentrasse de tal forma a ponto de explodir de pressão.

 

Eu não tenho papas na língua, e neste acaso afirmo que somente um idiota pode acreditar numa estupidez destas, porque o big-bang pressupõe uma anterioridade. E se tem algo antes, então não significa o começo. Se existiam matéria e forças anteriores a explosão, isso significa que dela não pode resultar um começo de tudo.  De onde veio a matéria que compõe todo o Universo e o poder capaz de concentrá-la e de explodi-la? Em outros artigos já colocamos muitas provas de que isso é uma idiotice, mas vou reafirmar uma que derruba tudo isso, e tem por base os mesmos cálculos.

 

Li numa matéria que o vento solar e as emanações que partem das explosões solares percorrem a uma velocidade de 400 Km por segundo. E todos sabemos que a Luz viaja a 300 mil Km por segundo, portanto, 750 vezes mais rápido. Esta velocidade dos gases solares na verdade carregam partículas, e não me consta que qualquer outra força do Universo possa expelir matéria a uma velocidade superior a isso. Ou seja, impossível fazer a matéria viajar à velocidade da luz. Além do que o só expele gases, e não matéria. Naturalmente que SIM, Deus tem poder de fazer tudo alcançar velocidades ainda maiores.

 

Numa das reportagens que trata destas declarações absurdas do Bergóglio, se diz que a evolução começou na terra a 13,8 bilhões de anos – número naturalmente chutado ao acaso porque existem tantos dados quanto existem cientistas – e num dado que já coloquei em outro texto, se afirma que o Telescópio Houble, alcançou observar uma estrela que fica da terra à distância de 12 bilhões de anos luz. Supondo que a explosão tivesse ocorrido no exato lugar onde hoje se encontra o Telescópio, seria absolutamente impossível que a matéria daquela estrela distante chegasse lá, mesmo que viajasse à velocidade da luz. Mais ainda: o telescópio pode pesquisar mais, que achará estrelas ainda mais distantes... Se conseguir ver!

 

De tudo isso uma coisa se afirma: deplorável é ver um que se diz papa metendo-se num capo teórico a dar informações como se verdades fossem, porque sendo uma mentira muito científica, torna-se uma mentira papal inaceitável vinda daquele que deveria estar tratando das almas e da nossa salvação eterna. São colocações ridículas, como é ridícula toda e qualquer tentativa de explicar o surgimento da vida, sem que se aceite a inarredável verdade da Criação, de Obra Perfeita de um Deus que CRIA TUDO, tirando TUDO do NADA.

 

Eis por que Jesus diz: Eu Sou Aquele que Sou! Eu Sou Aquele que É!

 

Tal como Deus cria um planeta novo a partir de uma ordem: FAÇA-SE! Também ele cria uma vida, e milhares delas, segundo as suas espécies, também a partir do nada, e as cria já adultas e perfeitas – machos e fêmeas – e os cria em bandos ou matilhas, em enxames ou alcateias, em cáfilas ou em cardumes, em récuas ou em manadas,  em tropas ou varas, em matilhas ou nuvens, em rebanhos ou fatos, em revoadas ou tropas, tudo e todos através da mesma ordem, e todos já acasalados e procriando, para a manutenção de todas as espécies.

 

Da mesma forma o homem, Deus o criou adaptado a todos os climas, conforme cada uma das épocas, nenhum deles por algum processo evolutivo ou seleção natural. Tudo já está posto na genética humana, na ordem criadora sem a necessidade de adaptação. Se uma vez o homem era de corpo rude e de uma natureza grosseira era porque Deus o havia criado para aquele tempo e clima, sempre perfeito, e os fez desaparecer quando assim achou por bem. Cada raça foi criada, no se seu tempo e no seu meio. Brancos, negros e amarelos, índios do Brasil ou dos Andes, do México ou da América Central, da Ásia ou da Oceania, da África ou da Europa, cada um com sua tez e características, não precisando Se repetir, nem esperar que de uma raça evolua a outra. Embora todas possam cruzar entre si. Eis a perfeição!

 

Mente quem diz que todos os homens vieram de um ancestral comum, e mente mil vezes mais quem afirma que a vida surgiu de uma “sopa quente”. Porque “sopa quente” é a natureza cerebral de quem já não tem neurônios, ao ponto de ser capaz de acreditar que a perfeição extrema de um corpo humano possa ser obra de evoluções e de acasos fortuitos. Mente descaradamente que nega o Poder Infinito do nosso Deus Altíssimo, Criador Supremo de todas as infinitas perfeições. Se algum dia um cientista for capaz de modificar o corpo exterior de um ser humano, recolocando em outra ordem ou lugar qualquer dos membros, de modo a ficar mais funcional e perfeito, mais belo e atraente, terá entendido Deus. O que é impossível!

 

De fato, um ser humano, que é criado a partir de um minúsculo óvulo feminino, não maior do que a cabeça de um alfinete, e de um espermatozoide microscópico invisível a olho nu, ambos contendo todas as ordens genéticas e o “espectro”, do futuro ser humano – homem ou mulher – jamais poderá surgir partindo de outra espécie, por incompatibilidade de genes, e pela impossibilidade de atingir a perfeição, a partir de si mesmo. O mesmo dilema que surge quando se pergunta: quem veio primeiro, o ovo ou a galinha, se dá com um ser humano! Quem veio primeiro a mulher ou seu óvulo, o homem ou seu espermatozoide?

 

Não vou me estender mais, e dou toda razão a quem discordar, mas termino afirmando que Deus fez tudo perfeitamente, porque se fosse atender aos desejos dos homens, em especial dos cientistas que tentam provar que Ele não existe, teria que deixar crescer neles um rabo, pelos e orelhas grandes, dentes pretos e boca imensa preparada para dar guinchos, sem poderem falar. Sim e andar pelas árvores!

 

 Então provariam neles mesmos, que não é preciso existir um ALFA e de um ÔMEGA, um Princípio Gerador e Criador, Aquele que É, do qual nada existe ANTES nem DEPOIS, de um SER que não tem Fim, porque é Ele o Infinito e é ELE o Eterno SEMPRE e É o Infinito AGORA. Só um SER assim, ONIPOTENTE e ONISCIENTE, Senhor do Passado e conhecedor do Futuro, em Seu incomensurável AMOR, pode criar a partir do nada, matéria e vida em perfeição suprema.

 

O acaso científico, nem rabos cria ou os elimina! O único big-bang que tenho visto na natureza é o que soltam os gorilas quando se empanturram de folhas e soltam gases! No mais os homens que negam a Deus Criador, merecem a explosão de uma bomba atômica.

 

Fonte: www.recadosaarao.com.br

 
 
 

Artigo Visto: 1212 - Impresso: 30 - Enviado: 8

 

 
     
 
Total Visitas Únicas: 4.240.665 - Visitas Únicas Hoje: 573 Usuários Online: 228